Eu decidi zerar o jogo




A vida é muito, muito maluca e as reviravoltas acontecem quando a gente menos espera. Pra completar, a maturidade e as informações que a gente vai coletando ao longo da vida tornam os processos de decisão muito mais complexos, a gente gasta horas analisando os prós e contras de cada lado mesmo sabendo que, lá no fundo, a gente já tomou a decisão.


Falando por mim, isso vem muito de uma insegurança que mora aqui comigo desde muito pequena. Eu tenho MUITA DIFICULDADE de bancar minhas decisões, tomar a frente e dar o pontapé inicial das coisas porque eu sempre acho que "posso me arrepender". E aí eu me vejo enrolada numa situação que eu poderia ter saído lá atrás quando ainda era menos complicado.


Mas como eu falei ali no começo, a vida é maluca e reviravoltas acontecem. Me vi no meio e uma situação onde eu tive que largar tudo pra poder dar atenção a quem eu amo. E eu não falo isso com pesar, falo isso com bastante orgulho porque essa foi a primeira vez em 34 anos que eu consegui DE FATO segurar uma decisão e seguir com o que eu acho certo. Me custou o adiamento de um projeto especial em 1 ano, 2 trabalhos fixos e a demolição de uma marca mas querem saber? A leveza de saber que eu ganhei um respiro me dão a paz que eu preciso para seguir em frente. Agora eu posso estruturar minha vida do jeito que eu sempre sonhei.


Tempo. Essa é a verdadeira riqueza do ser humano.

4 visualizações0 comentário